sábado, 18 de julho de 2015

Sobre eu desistir de platinar FFXIII temporariamente


Depois de muito esforço e dedicação, desisti da platina de XIII. Tudo por causa do bendito do troféu Treasure Hunter. 

Depois de conseguir todos os outros troféus, fui atrás do TH. Eu cheguei a até imprimir uma listinha com todos os itens que faltavam e escrevi uma só de armas.

Num belo dia, após uma bela luta com uma daquelas tartarugas enormes pra ganhar Trapezohedron, transformei a última arma da Vanille que faltava para o tier 3.

Resultado, o troféu não piscou na minha tela.

Já em semi desespero, peguei as minhas duas listas e conferi tudo que tinha, mas não havia nenhum item ou arma que tivesse escapado.

Sério, eu não sei o que aconteceu. Eu tinha o costume de vender os itens/armas após transformá-los, talvez eu tenha feito alguma besteira vendendo alguma coisa que não era pra ser vendida e marquei na lista como se tivesse feito tudo certo.

No final das contas desisti. Tinha até tentado recomeçar a jogar o jogo, mas já está massante jogar XIII de novo. Eu o joguei muitas vezes, acho que sete vezes, e não espero nenhum momento de prazer ao jogar a oitava.

Talvez, daqui a alguns anos eu sinta vontade de platinar e jogue novamente. Vou dar um tempo do jogo. Igual está acontecendo comigo em XIII-2, de repente fiquei com uma vontade enorme de jogar novamente. Porém, estou na parte mais chata do jogo, aquela que você tem que encontrar os graviton cores. E pra piorar, as áreas que tem os cores que faltam eu não as tenho desbloqueadas, ou seja, preciso ficar zanzando pelo jogo e por sites pra encontrar fragmentos para eu poder começar a procurar os cores. Mas MGS3 está roubando o lugar de XIII-2 com seus troféus mais fáceis e tempo de jogo mais curto.



Vou passar um tempo desbravando a história de Big Boss, mas por enquanto só Snake, e platinar o jogo, pra depois jogar Peace Walker, e depois tentar platinar o MGS2, que vai ser muito difícil e depois platinar o 4, que pra mim é um jogo ruim a beça, não sei como fez sucesso.

0 comentários:

Postar um comentário